ELEIÇÕES: Os 25 projetos para o trânsito no plano de governo de Nélio Aguiar


No plano de governo para a próxima gestão do prefeito Nélio Aguiar (DEM), que busca sua reeleição, a pasta de trânsito apresenta 25 grandes projetos para o município de Santarém, no Oeste do Pará. As propostas de Mobilidade e Trânsito são 32 itens, sendo que enumeramos os 25 principais projetos. Sendo eles:

1) Ampliação do número de permissão para mototaxistas; 

2) Ampliar o número de abrigos padronizados de passageiros; 

3) Avançar na implantação de bicicletários no centro comercial e em locais com grande circulação; 

4) Criar e implementar o Plano de Mobilidade Urbana; 

5) Criar o Portal de Mobilidade, contemplando a acessibilidade a um canal de comunicação com a população, entregando informações e colhendo sugestões, críticas e comentários sobre trânsito, transporte coletivo, transporte público em geral;

6) Criar terminais de integração de passageiros para o transporte coletivo;

7) Desenvolver ações e campanhas educativas objetivando o incentivo à utilização da modal bicicleta e à difusão das normas de trânsito para a circulação segura e o convívio do trânsito motorizado e a mobilidade ativa;

8) Elaborar o Plano Municipal Ciclo Viário;

9) Implantar a Central de monitoramento operacional do Serviço de Transporte público de Passageiros por ônibus;

10) Implantar a Zona Azul, visando o ordenamento do estacionamento em vias públicas e ampliar o quantitativo de vagas para idosos e pessoas com deficiência.

11) Implantar novos dispositivos de segurança no trânsito como faixas elevadas de travessia de pedestres, conjuntos semafóricos e rotatórias;

12) Implementar cursos de capacitação para permissionários e profissionais do sistema de transporte público de passageiros;

13) Incentivar o uso de transporte não motorizado, por meio de ciclovias e ciclofaixas e de bicicletários na área central;

14) Incentivar os deslocamentos por bicicleta na cidade, destinando espaço seguro para sua circulação e equipamentos de apoio;

15) Licitar o serviço de transporte coletivo de passageiros por ônibus;

16) Modernizar e intensificar os serviços de manutenção e implantar sinalização viária horizontal, vertical e semafórica;

17) Planejar, executar e ampliar a rede de estrutura ciclo viária, segundo critérios de segurança de circulação, visando à redução do número de acidentes envolvendo ciclistas, com especial atenção às interseções viárias;

18) Realizar campanhas e projetos educativos para qualificar a população usuária do trânsito no município, como o Projeto SMT nas escolas, Projeto Amigo do Trânsito e Transitolândia;

19) Realizar concurso público para agentes de fiscalização de trânsito;

20) Realizar curso de formação para motoristas e cobradores com conteúdo referente ao respeito à pessoa idosa;

21) Realizar curso de formação para motoristas e cobradores de transporte coletivo, taxistas, motorista de aplicativo, motoristas e auxiliares de transporte escolar com conteúdo referente à pessoa com deficiência;

22) Realizar manutenção e recuperação de infraestruturas ciclo viárias existentes;

23) Redesenhar interseções e cruzamentos perigosos, para evitar acidentes;

24) Reestruturar e melhorar a Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito – SMT, para execução de suas ações, tais como ampliação de efetivos, viaturas, implantação de sistemas e aquisição de equipamentos;

25) Regulamentar e ordenar o modal de transporte Fluvial no Município.

 


Postar um comentário

0 Comentários