SANTARÉM: Decreto municipal vai de encontro as recomendação da OMS



Um dos questionamentos durante a pandemia é sobre o uso de máscara durante a prática de exercício físico. Em publicação em seu site oficial, a Organização Mundial da Saúde (OMS) explica que não é recomendado o uso do item de proteção nessas situações.

Recentemente a prefeitura municipal de Santarém, baixou o decreto 164/2020, que Dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do novo coronavírus no município de Santarém, onde autoriza o funcionamento de academias de ginástica, musculação, crossfit, funcionais, estúdio de pilates danças e academias de artes marciais. Porém, os alunos e clientes destes estabelecimentos, devem fazer uso da máscara durante os exercícios físicos. 

Vale ressaltar, que a OMS também não recomenda durante a pandemia a realização de exercícios físicos em locais fechados, como descrito abaixo no decreto municipal. O risco de contaminação é muito alto.


Com relação ao uso da máscara, além de tornar a respiração mais desconfortável, o suor produzido durante os exercícios físicos, pode molhar a máscara, deixando-a mais pesada, dificultando, ainda mais, a captação de ar e promovendo o crescimento de vírus e bactérias no EPI. 

Se sabe também que a máscara provoca grande desconforto na prática de exercícios físicos por dificultar a respiração. E quanto maior a intensidade do exercício, maior a dificuldade de captação de oxigênio para o esportista que está com a máscara. A Organização Mundial da Saúde chegou até a postar no Instagram uma não recomendação de uso de máscaras durante a prática de exercícios.


Postar um comentário

0 Comentários