Banner

Banner

COVID-19: Universidades federais suspendem retorno de aulas presenciais


As universidades federais do Rio de Janeiro (UFRJ), de Santa Catarina (UFSC) e de Lavras (UFLA), em Minas Gerais, suspenderam o retorno das aulas presenciais. As decisões foram motivadas pelo aumento de casos de Covid-19.

A Associação Nacional de Dirigentes de Instituições Federais do Ensino Superior ainda não concluiu nenhum posicionamento sobre o cenário atual. “Estamos debatendo e analisando os dados para elaborar diretrizes e recomendações no processo de retorno, para que possamos publicar um documento”, informou.

Por enquanto, diversas universidades mantiveram os planos de retomar as atividades presenciais. Algumas, como a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Federal da Bahia (UFBA), afirmaram que o retorno só está previsto no final do primeiro trimestre - o que dá tempo para deliberar sobre a questão epidemiológica em outro momento. As duas instituíram o passaporte vacinal como exigência para a comunidade acadêmica. 

UFOPA

A Universidade Federal do Oeste do Pará, nesse momento está com aulas hibridas (presenciais e remotas). Sendo que as aulas presenciais estão com a exigência do passaporte da vacina. Até o momento não se cogitou suspender 100% as aulas presenciais.

Postar um comentário

0 Comentários