Banner

Banner

COVID-19: "O Bolsonaro eu acho que já tomou umas 10 vacinas", afirmou Lula durante evento


O ex-presidente Lula disse que, apesar de ser contra a obrigatoriedade da vacina, defende que não vacinados fiquem em casa. “Ninguém vai te obrigar a tomar vacina. Mas também você não vai poder ir para os lugares públicos”, disse o petista, no sábado 29, durante cerimônia de posse do novo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC paulista, Moisés Selerges.

“Se você não quer tomar vacina, é um direito seu. Mas você também não vai poder participar de nada com gente”, acrescentou Lula, pré-candidato ao Palácio do Planalto neste ano. “Por que alguém diz ‘eu não quero tomar vacina porque eu não acredito na vacina’? Então se tranca dentro de casa”, declarou, ao mencionar que certas doenças foram vencidas por causa das vacinas.

Durante o evento, Lula atacou o filósofo Olavo de Carvalho e o presidente Jair Bolsonaro. “O Bolsonaro eu acho que já tomou umas 10 vacinas e fica dizendo que não toma vacina”, disse. “A desgraça de quem conta uma mentira é que passa a vida mentindo para justificar”, acrescentou, ao alegar que foi absolvido pela Justiça. “Esse país está sendo destruído, só não vê quem não quer.”

Postar um comentário

0 Comentários