TIROU FORA: Em vídeos divulgados na internet, Zé Trovão corta Bolsonaro de manifestações

Após ter ficado uma semana foragido, o líder caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, foi localizado pela Polícia Federal escondido em um hotel no México e deve se entregar nesta quinta-feira (9) para ser preso e levado para o Brasil.

Os investigadores da PF vinham rastreando o paradeiro de Zé Trovão desde a quarta-feira da semana passada, quando o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes expediu uma ordem de prisão contra o caminhoneiro por incitar um ato antidemocrático no dia 7 de setembro. Detectaram que ele havia deixado o Brasil antes da ordem de prisão, por meio de um voo para o México, e estava em um hotel na Cidade do México.

Em dois vídeos divulgados nas redes sociais, o foco agora das manifestações será em cima do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. No vídeo, Zé Trovão também afirma que as manifestações nunca tiveram como bandeira de luta, a defesa do governo do presidente Bolsonaro. 

VÍDEO 01


VÍDEO 02








Postar um comentário

1 Comentários

  1. Bolsonaro nunca falou em que estava apoiando manifestações a esquerda que inventou isso o que ele falou é que ele está onde o povo está porque ele foi eleito pelo povo o Zé trovão está falando a verdade ninguém tirou ninguém

    ResponderExcluir