SANTARÉM: Vereadora sugere que prefeitura distribua absorventes gratuitamente


Durante sessão ordinária da Câmara Municipal de Santarém, a vereadora Adriana Almeida (PV) apresentou, nesta segunda-feira (20), uma indicação solicitando que a prefeitura institua o programa municipal de conscientização sobre a menstruação e a distribuição gratuita de absorventes nas escolas e demais órgãos públicos do município.

Em seu pronunciamento, a parlamentar destacou que o problema dos absorventes é também um caso de saúde pública. “Uma a cada quatro brasileiras já precisou faltar à escola por não poder comprar absorventes. Infelizmente muitas usam miolo de pão, panos, ou simplesmente faltam às aulas por não terem meios de fazer a própria higiene. Precisamos dar mais dignidade para as nossas mulheres”, disse Adriana.


Na sessão o vereador Enfermeiro Murilo parabenizou Adriana pela pauta dos absorventes, que ficou conhecida como Pobreza Menstrual. “Imagino o quanto deve ser constrangedor para as mulheres essa situação. Desde já essa pauta já tem todo o meu apoio nesta casa”, afirmou Murilo.

Pobreza Menstrual – O termo Pobreza Menstrual pode ser definido como a falta de acesso não somente a itens básicos de higiene durante o período de menstruação, mas também à falta de informação e, principalmente, de apoio. Recentemente o Senado Federal aprovou um projeto de lei que prevê a distribuição gratuita de absorventes higiênicos para mulheres em vulnerabilidade social, através do Sistema Único de Saúde (SUS).



Postar um comentário

0 Comentários