PARÁ: Mesmo com "Lockdown", Santarém continua recebendo voos vindos de Manaus


A partir desta segunda-feira (1º), o bandeiramento no Baixo Amazonas passou de vermelho para preto, o que significa lockdown para essa região. O anúncio foi feito na manhã desse sábado (30), pelo governador Helder Barbalho, por meio das redes sociais. O chefe do Executivo Paraense afirmou que a decisão de alterar o bandeiramento foi tomada com base na atualização da situação epidemiológica no oeste do Estado.

Os municípios que integram o Baixo Amazonas são: Alenquer, Almeirim, Belterra, Curuá, Faro, Juruti, Mojuí dos Campos, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Placas, Prainha, Santarém e Terra Santa.

O governador do Pará informou ainda que a mudança necessária é uma ação técnica, com o objetivo de garantir a preservação de vidas e para impedir o avanço da Covid-19 em território paraense.

CONTAMINAÇÃO CONTINUA

O problema maior é que o voos vindos da capital do Amazonas, continuam circulando normalmente em Santarém. Manaus passa por um colapso na saúde devido a nova variante do Covid-19, que surgiu na região e segundo os médicos locais, é mais contagiosa. Ou seja, o governador está "enxugando gelo", pois fecha o comércio prejudicando os empresários e contribuindo para o desemprego e mantém a contaminação através dos voos vindos do Amazonas.


Postar um comentário

0 Comentários