ELEIÇÕES: Os candidatos "laranjas" que não tiveram o próprio voto no pleito eleitoral

Dados estatísticos disponíveis no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que 5.297 candidatos não obtiveram nenhum voto no primeiro turno das eleições municipais de 2020. Ao todo, a Justiça Eleitoral recebeu 557.404 mil pedidos de registros de candidatos para disputar cerca de 68 mil cargos eletivos em 5.567 municípios brasileiros.

No estado do Pará, a quantidade de candidatos laranjas, foi maior que em 2016.

A palavra laranja pode ser usada para definir alguém que assume uma função ou responsabilidade no papel, mas não na prática. Isso quer dizer que o laranja cede seu nome, com ou sem consentimento, para outra pessoa utilizar. Por isso, o candidato “laranja” é o candidato de fachada. Aquele que entra na eleição sem a intenção de concorrer de fato, com objetivos que podem ser irregulares, como desviar dinheiro do fundo eleitoral.

Postar um comentário

0 Comentários