CORONAVÍRUS: Dexametasona reduz mortalidade entre pacientes graves



A Sociedade Brasileira de Infectologia comemorou, em comunicado, fato de o anti-inflamatório dexametasona ter certa efetividade no tratamento da Covid-19, como constatou um estudo sério conduzido pela Universidade de Oxfor. Informou o site O Antagonista.

“Temos o primeiro tratamento farmacológico para Covid-19 que mostrou impacto em reduzir a mortalidade! Finalmente temos uma boa notícia”, diz o comunicado.  “Dia histórico no tratamento da Covid-19”.

A recomendação é a de que pacientes com um quadro mais grave de Covid-19 recebam uma dose diária de dexametasona, ao longo de dez dias.

Postar um comentário

1 Comentários